Início » Eventos » Inscrição Minha Casa Minha Vida 2021: Entenda tudo sobre o programa

Inscrição Minha Casa Minha Vida 2021: Entenda tudo sobre o programa

Minha Casa Minha Vida, programa muitas vezes abreviado como MCMV, é uma criação do Governo Federal que desde 2009 oferece melhores condições no momento de aquisição da primeira casa própria.

Isso acontece por meio de financiamentos que possuem menores taxas de juros do que as praticadas no mercado. Obviamente, esse programa é indicado para famílias das classes baixa e média, assim como o Bolsa Família.

Quer entender como tudo funciona? Saiba como fazer sua Inscrição Minha Casa Minha Vida 2021 e alcance seu sonho com sua casa própria!

Como funciona Inscrição Minha Casa Minha Vida 2021?

Inscrição Minha Casa Minha Vida 2021

 

O programa Minha Casa Minha Vida funciona através de parcerias realizadas entre construtoras e órgãos, como a Caixa Econômica Federal. Por meio desse “relacionamento”, há garantia de condições especiais, como parcelamentos mais longos e atrativos, além de juros mais baixos.

Atualmente, o Brasil possui 22 mil unidades em construção, enquanto algumas obras estão paralisadas há muitos anos.

O governo atual vem prometendo uma melhor alocação de recursos para dar continuidade a esses projetos parados e construir ainda mais unidades.

A Inscrição Minha Casa Minha Vida 2021 pode acontecer de duas formas, mas depende da faixa de renda de cada família. Por isso, é fundamental entender todo o funcionamento desse programa para não errar nessa parte!

Quem pode fazer Inscrição Minha Casa Minha Vida 2021?

Inscrição Minha Casa Minha Vida 2021

Para ter certeza de que o programa atinge realmente quem precisa de auxílio, o Minha Casa Minha Vida 2021 estabeleceu alguns requisitos associados com as faixas de renda da família.

Hoje em dia, existem 4 faixas de rendas permitidas pelo programa Minha Casa Minha Vida:

Faixa 1

Para famílias com renda de até R$1.800,00. Os benefícios para essa faixa envolvem um financiamento de até 120 meses. As prestações podem variar de R$80,00 a R$270,00, dependendo, é claro, da renda familiar bruta.

Faixa 1,5

Para famílias com renda de até R$2.600,00.

A aquisição do imóvel nessa faixa envolve taxas de juros de apenas 5% ao ano, além de ter até 30 anos para quitar o pagamento. Os subsídios são de até R$47.500,00.

Faixa 2

Para famílias com renda de até R$4 mil. Os subsídios podem alcançar até R$29 mil, permitindo que a família tenha 30 anos para quitar o pagamento.

Faixa 3

Para famílias com renda de até R$7 mil. É a faixa com taxas de juros atrativas, também marcada com 30 anos de pagamento.

Ambas as últimas faixas citadas (faixas 2 e 3) englobam tanto a compra de imóvel novo ou na planta, além da compra de terreno e construção da casa, ok?

Como fazer Inscrição Minha Casa Minha Vida 2021?

Inscrição Minha Casa Minha Vida 2021

O primeiro ponto que deve ser analisado é em relação a sua faixa de renda familiar (conforme as faixas indicadas acima).

Se a sua situação familiar envolve uma renda mensal menor do que R$1.800,00, a Inscrição Minha Casa Minha Vida 2021 deve ser feita na prefeitura de sua cidade ou em uma entidade organizadora, que assim dará início ao processo.

Para as famílias que possuem renda mensal superior e até R$7 mil o processo é diferente. Elas podem contratar de maneira individual uma entidade organizadora, que será capaz de montar uma simulação do investimento.

É claro que deve-se entregar a documentação em um Correspondente Caixa Aqui ou em uma agência Caixa mais próxima.

Nos dois casos comentados, as famílias devem aguardar o contato da Caixa, que comunicará para as famílias selecionadas (pelas prefeituras e validadas pela Caixa) a data de sorteio das unidades e da assinatura do contrato de compra e venda do imóvel.

Em atendimento direto em agência ou Correspondente Caixa aqui, a instituição bancária recebe e analisa a documentação entregue e os documentos do imóvel escolhido pela família para mostrar as melhores condições para acontecer o financiamento.

Depois da aprovação e validação do cadastro, se assina o contrato de financiamento. Quer arriscar a sorte? Você pode também se inscrever para o programa Lar Doce Lar e tentar uma reforma em sua casa atual.

Documentos necessários

Inscrição Minha Casa Minha Vida 2021

É importante ter seus documentos em mãos no momento em que for até um estabelecimento da Caixa Econômica Federal, afinal os representantes precisam analisar seus dados para dar prosseguimento ao seu pedido no programa Minha Casa Minha Vida 2021.

Tenha em mente que os documentos de todos os membros da composição familiar são necessários.

Exemplos de documentos que são importantes de ter consigo são:

  • RG,
  • CPF,
  • CNH,
  • Carteira de trabalho,
  • Carteira de identificação profissional com foto,
  • Certidão de nascimento ou de casamento (caso for divorciado, que apareça a averbação de divórcio),
  • Comprovante de residência,
  • Declaração do Imposto de Renda,
  • Comprovantes de renda dos últimos seis meses.

Caso queira apresentar o imóvel na Caixa, procure ter a matrícula atualizada do mesmo, além da certidão de logradouro e o contrato de opção de compra e venda.

Assim, você consegue fazer sua Inscrição Minha Casa Minha Vida 2021 com facilidade e tranquilidade.

Comente